५हჱ«══╬PATriciatu╬══»५हჱ

Só mais um site WordPress.com

Mais links :) 28 de agosto de 2005

Filed under: Computadores e a Internet — patkovacs @ 19:37
Anúncios
 

Links de Sites Mui Legais :) 26 de agosto de 2005

Filed under: Computadores e a Internet — patkovacs @ 6:09
Vou encher isso aqui de imagem XD
 
 

http://www.radiomaru.com/

 

 

http://adhousebooks.com/

 

 

http://www.lowbright.com/

 

 

http://andyrunton.com/

 

 

http://comics.212.net/

 

 

Depois continuo! A carruagem virou abóbora

 

Minhas Comunidades No Orkut 31 de julho de 2005

Filed under: Computadores e a Internet — patkovacs @ 17:25
Criei duas comunidades recentemente no Orkut, dedicadas a homenagear dois grandes artistas do século XIX: o ilustrador Gustave Doré e o pintor Pedro Américo.
 
Aqui estão os links:
 
Gustave Doré foi um excelente ilustrador e por isso tornou-se imortal. Ilustrou diversas obras da Literatura, todas obras de grande importância para a humanidade, como a própria Bíblia; Divina Comédia de Dante Alighieri; O Corvo de Edgar Alan Poe; Fábulas como Cinderela, Chapeuzinho Vermelho, A Bela Adormecida, Barba Azul; Contos Maliciosos de Balzac; Dom Quixote de Cervantes… foram mais de 120 obras literárias agraciadas com suas ilustrações em bico de pena e xilogravula.
Além de ilustrações, também fez pinturas e esculturas, porém sem o mesmo reconhecimento.
Nasceu em Estrasburgo, Paris, em 1832, vindo a falecer em 1883.

 

Retrato de Gustave Doré e uma de suas obras: Andromeda Acorrentada.

 
Pedro Américo – Fabuloso pintor brasileiro de poesias traduzidas em pincel e tinta. PEDRO AMÉRICO Figueiredo Mello nasceu na Paraíba, em 29 de abril de 1843 e faleceu em Florença, Itália, no dia 07 de outubro de 1905.
Pintor, romancista, poeta, orador, cultor da Filosofia e da Ciência, Doutor em Ciências Naturais e professor adjunto pela Universidade de Bruxelas, deputado geral pelo estado da Paraíba.
Dentre suas magníficas obras, podemos destacar "O grito do Ipiranga", "A Batalha do Avaí", "A Batalha de Campo Grande", "O consertador de bandolim", "A rabequista árabe", "O passo da pátria", "Tiradentes esquartejado", "David e Absag", "Judith e Holofernes", "Jacob e Moisés", "O voto de Heloísa", "A primeira culpa", "O noviciado", "Mater dolorosa", "A mulher de Putifar", "Joana D’Arc", "Cristo menino", "Cristo diante de Pilatos", "Cristo morto", "Cristo ressuscitado", "Paz e concórdia", "Honra e pátria", "A noite com os gênios do amor e do estudo". Muitas dessas obras encontram-se no acervo do Museu de Belas Artes, RJ, como a magnífica e monumental Batalha do Avahí, que mede 6 metros de altura por 11 metros de largura e a belíssima e muito impressionante Joana Dark, que passa toda a força da decisão e da missão a ser cumprida através dos olhos amendoados, uma característica muito marcante no traço de Américo.

 

  

Auto-retrato de Pedro Américo e uma de suas belas obras: A noite acompanhada dos gênios do estudo e do amor (Óleo sobre tela, 260 x 195 cm, 1883)